O hidrogênio é o elemento da tabela periódica que existe em maior abundância no universo. Esse fato atrai diversas pessoas para as possibilidades do hidrogênio, principalmente para seu uso como forma de combustível. Mas o hidrogênio vai além. Ele é usado em diversos processos em diversas indústrias, e é bom conhecer um pouco mais desse elemento tão importante.

Usos do hidrogênio

Quase todo o hidrogênio consumido é usado pela indústria para refinar petróleo, tratar metais, produzir fertilizantes e processar alimentos. Em alguns casos, o hidrogênio é usado na produção de outros químicos, como a amônia. Basicamente, o hidrogênio é uma fonte ilimitada de recursos para várias indústrias. Mas seu uso como combustível é o que mais levanta a curiosidade e que mais resulta em investimentos.

Hidrogênio como fonte de energia

Combustível de foguete é o principal uso de hidrogênio para energia. A NASA é a maior usuária de hidrogênio como combustível no mundo. A instituição começou a usar o hidrogênio líquido na década de 1950 como combustível para foguetes, e uma das primeiras a usar células de combustível para alimentar os sistemas elétricos em naves espaciais.

As células de combustível de hidrogênio produzem eletricidade combinando átomos de hidrogênio e oxigênio. Essa combinação resulta em uma corrente elétrica. Uma célula de combustível é duas a três vezes mais eficiente que um motor de combustão interna a gasolina.

Muitos tipos diferentes de células de combustível estão disponíveis para uma ampla gama de aplicações. Pequenas células de combustível podem alimentar laptops, telefones celulares e aplicações militares. Grandes células de combustível podem fornecer eletricidade para energia de emergência em prédios e em áreas remotas que não estão conectadas a redes de energia elétrica. O uso de hidrogênio em veículos é um dos principais focos de pesquisa e desenvolvimento de células de combustível.

Usos do hidrogênio

O hidrogênio pode ser usado como fonte de energia, além de ser usado em vários processos industriais na produção dos mais diversos materiais. (Foto: YouTube)

Hidrogênio como combustível do futuro

O interesse no hidrogênio como combustível de transporte alternativo é baseado em seu potencial de produção doméstica, seu uso em células de combustível para veículos elétricos com emissão zero e o potencial do veículo de célula de combustível de alta eficiência.

Nos Estados Unidos, vários fabricantes de veículos começaram a disponibilizar veículos elétricos movidos a célula de hidrogênio para veículos leves em algumas regiões onde há acesso a postos de abastecimento de hidrogênio. Os veículos de teste também estão disponíveis em números limitados para seletas organizações com acesso a estações de abastecimento de hidrogênio.

A maioria dos veículos movidos a hidrogênio são automóveis e ônibus que possuem um motor elétrico alimentado por uma célula de combustível. Alguns desses veículos queimam hidrogênio diretamente. O alto custo das células de combustível e a disponibilidade limitada de postos de abastecimento de hidrogênio limitaram o número de veículos movidos a hidrogênio. Há marcas de carros que já estão disponibilizando veículos híbridos de hidrogênio e eletricidade, mas ainda é cedo para ver esses veículos se popularizando.

O desafio do reabastecimento

A produção de carros movidos a hidrogênio é limitada porque as pessoas não compram esses carros se as estações de reabastecimento de hidrogênio não forem facilmente acessíveis, e as empresas não construirão estações de reabastecimento se não tiverem clientes com veículos movidos a hidrogênio. Nos Estados Unidos, onde esses veículos tem maior destaque, cerca de 60 estações de reabastecimento de hidrogênio para veículos estão em operação. Cerca de 40 dessas estações estão disponíveis para uso público, quase todas na Califórnia. O estado da Califórnia tem um programa para ajudar a financiar o desenvolvimento de estações de reabastecimento de hidrogênio acessíveis ao público em toda a Califórnia para promover um mercado consumidor de veículos com célula de combustível de emissão zero. Quando esse tipo de estação se popularizar, poderemos ver uma popularização dos veículos movidos a hidrogênio. Mas até lá, temos de ter muita paciência.

O que acha do hidrogênio como combustível? Qual o futuro dessa fonte de energia?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)